Época de Rabanadas

Dá para acreditar que a sobremesa mais disputada da ceia de Natal seja tão simples como uma rabanada? Basta mergulhar alguns pedaços de pão dormido em leite, passá-los em ovos batidos, fritá-los em óleo bem quente e polvilhar açúcar e canela para que o doce ganhe forma e encha nossos olhos (ou seriam bocas?).

Graças à nossa herança portuguesa, essa marravilha (como diria o chef francês mais brasileiro do pedaço, Claude Troisgros) tornou-se símbolo de nossas ceias de Natal e, nos últimos tempos, tem inspirado outras receitas igualmente deliciosas. Eu separei aí embaixo alguns lugares que oferecem versões ou outros doces inspirados na rabanada. Espero que gostem e apreciem com moderação! =)

Versão oriental da tradicional rabanada é oferecida no Sawasdee Bistrô.

Sawasdee Bistrô: eleito melhor asiático da cidade na edição 2011 do “Comer & Beber”, da revista Veja Rio (aliás, ele se mantém invicto desde 2008), o bistrô oferece uma versão, digamos, oriental da nossa querida rabanada. A sobremesa por lá leva gengibre, açúcar mascavo e leite de coco.  Veja a foto!

Fiammetta: a pizzaria incluiu no seu cardápio uma opção de rabanada servida com frutas flambadas e sorvete. Ótima para os dias mais quentes!

Sorvete Brasil: a sorveteria criou uma versão gelada e bem portuguesa. Assim como é feita na região do Minho, em Portugal, o sorvete de rabanada leva vinho verde tinto. Sai por R$8,50 – uma bola.

Mil Frutas: a marca que tem o melhor sorvete da cidade, segundo a “Comer & Beber 2011”, também tem sua versão gelada da rabanada. A receita leva conhaque e pedaços de pão (R$9,00 uma bola).

Brigaderia Chic: para a sua patisserie, a chef Carolina Sales criou brigadeiros inspirados na tradicional sobremesa natalina. Os doces são feitos de leite e pão, e cobertos com açúcar e canela. #aiminhanossasenhoradagula

Para quem gosta de “meter a mão na massa”, vale a pena conferir o Facebook do supermercado Zona Sul. Lá você encontra algumas receitas de rabanada reinventadas por chefs de restaurantes do Rio como Pierre Landry, do Blason, e Ludmila Soeiro, do Zuca.

Fonte: Revista Veja Rio e Blog da Farm Rio.

Veja também:

Novidades da Brigaderia Chic para o Natal

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s